Vídeos

FC Cascavel x Athletico: Veja as entrevistas pós-jogo

Comentários

WILSON LUIZ MARCANTE
8 meses

Excluir
Vi as entrevistas do Eduardo depois do jogo. Lamento discordar diametralmente do Eduardo. Não vimos o mesmo jogo talvez. Ele da beira de campo e eu nas cadeiras cobertas do Estádio Olímpico Regional. No que resolveram chamar de time do Athletico apenas dois dos que estiveram em campo tem alguma lucidez, Jaderson sacrificado na lateral tendo que atuar na marcação, mesmo no esquema com três zagueiros e sem liberdade para subir ao ataque e o volante Leo Gomes que quase conseguiu segurar o time todo da serpente, mas no fim não deu. Aquele gorducho paraguaio ou uruguaio Bosteli, o que é aquilo? Tinha mais uns pipoqueiros na meia cancha, Breno e um outro que nem o nome deu pra guardar de tão ruim. Não marcam ninguém e não atacam nada. E o pipoqueirinho centro avante meio ponta esquerda? O cara fede de ruim e todo cheio de marra. Com aquele festival de bolas na trave e defesas de peito de um goleiro que nem via a bola o Eduardo ainda vem falar que merecia um empate? Escaparam de uma goleada histórica para um time semi varzeano que vai ser massacrado na série D do brasileiro. Fico tentando imaginar quem seriam os olheiros que selecionam estas tiriças fedorentas que entraram em campo pelo Furacão. Devem ser do instituto de cegos. Será que vão tomar um sacode em plena baixada para o combalido Toledo? Este pessoal pensa que por usarem a camisa do Furacão já são grandes jogadores, todos de saltinho alto, fazendo pose de craque e tirando o pezinho de vidro nas divididas. Tinha um tal Elias carioca que nem pra gandula serve, o cara estava morto em campo. Colocar o Alan Patrick no eio desses pernas de pau vai contaminar o garoto, além de estarem queimando etapas. O piá não é fenômeno para estar no profissional nesta idade. Talvez chegue a ser um bom jogador quando estiver pronto.