Resumo do jogo

A vitória escapou!

CAP 1
Brasileirão 2020
Rodada 9
1 BOT

O Athletico esteve muito perto de voltar a vencer no Campeonato Brasileiro. Mas ficou em um amargo empate em 1 a 1 com o Botafogo, nesta quarta-feira (9). O Furacão desperdiçou um pênalti e teve uma bola no travessão nos minutos finais.

Veja os melhores momentos do jogo

O Jogo

O Rubro-Negro entrou em campo disposto a encerrar de vez a sequência sem vitórias e sufocou o Botafogo no início da partida. Logo no primeiro minuto, Fabinho fez grande jogada e exigiu grande defesa de Diego Cavalieri.

Nikão também fez o goleiro botafoguense trabalhar em mais uma boa jogada individual. No contra-ataque, ele ganhou de três jogadores adversários e bateu rasteiro, no canto. Cavalieri espalmou.

Quem também ficou perto de marcar foi Léo Cittadini, em um bonito giro na área, seguindo por um chute que passou muito perto, à direita do gol. 

No segundo tempo, o Athletico caiu de produção e o Botafogo se tornou mais perigoso. Aos 31’, em cobrança de pênalti, Victor Luís colocou o time carioca na frente.

Mas o Furacão não desistiu e chegou ao empate aos 42’. Christian fez um ótimo lançamento para Geuvânio, que tocou para Ravanelli. O estreante da tarde bateu de primeira e mandou para rede!

No minuto seguinte, pênalti para o Athletico. Rafael Foster colocou a mão na bola dentro da área. Nikão foi para a cobrança, mas chutou por cima do gol. 

E o Rubro-Negro ainda teve mais uma grande chance de marcar o gol da vitória. O cronômetro já marcava 50’ quando Geuvânio soltou uma bomba de fora da área. A bola explodiu no travessão!

O próximo desafio está marcado para o próximo sábado (12). Às 16h30, tem clássico contra o Coritiba, no Caldeirão. 

Ficha técnica: Athletico Paranaense 1×1 Botafogo
Campeonato Brasileiro 2020: 9ª rodada
Data: 09/09/2020
Horário: 17h30
Local: Estádio Joaquim Américo

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
Quarto árbitro: Luiz Alexandre Fernandes (PR)
Árbitro de vídeo: Braulio da Silva Machado (SC)

Athletico Paranaense: Santos; Jonathan (Khellven, aos 23’ do 2º tempo), Felipe Aguilar, Thiago Heleno e Márcio Azevedo; Erick (Ravanelli, aos 35’ do 2º tempo); Nikão, Lucho González (Jaime Alvarado, aos 13’ do 2º tempo), Léo Cittadini (Christian, aos 13’ do 2º tempo) e Fabinho (Geuvânio, aos 23’ do 2º tempo); Guilherme Bissoli
Técnico: Eduardo Barros
Gol: Ravanelli, aos 42’ do segundo tempo
Cartão amarelo: Lucho González

Botafogo: Diego Cavalieri; Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luís; Rafael Foster, Kuiz Otavio (Rentería, aos 15’ do 2º tempo), Caio Alexandre e Bruno Nazário; Matheus Babi e Kalou (Rhuan, aos 17’ do 2º tempo)
Técnico: Paulo Autuori
Gol: Victor Luís (pênalti), aos 34’ do segundo tempo

CAP BOT
16
Finalizações
12
4
Finalizações no gol
7
6
Finalizações para fora
3
6
Finalizações bloqueadas
2
6
Chances reais
4
6
Escanteios
3
3
Impedimentos
2
4-1-4-1
17
Bissoli
7
Fabinho
18
Léo Cittadini
3
Lucho González
11
Nikão
26
Erick
6
Márcio Azevedo
44
Thiago Heleno
23
Felipe Aguilar
2
Jonathan
1
Santos
  • Jandrei
  • Khellven
  • Abner Vinicius
  • Lucas Halter
  • Pedro Henrique
  • Jaime Alvarado
  • Christian
  • Geuvânio
  • Ravanelli
  • Carlos Eduardo
  • Pedrinho
  • Walter
  • Técnico
  • Eduardo Barros

Arbitragem

Árbitro:

Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)

Auxiliares:

Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Quarto árbitro:

Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Público e Renda

Total:

Portões fechados

Pagante:

Portões fechados

Renda:

Portões fechados