Resumo do jogo

Dois a favor!

CAP 2
Conmebol Libertadores 2020
Rodada 4
0 COL

Mais uma batalha vencida na CONMEBOL Libertadores! O Colo-Colo não foi páreo para o Furacão, que em 13 minutos marcou dois gols e garantiu a liderança do grupo.

O triunfo de 2 a 0 sobre o time chileno deixa o Athletico perto da classificação e confirma a recuperação rubro-negra na temporada. Atuação avassaladora no início do jogo e segura nos 77 minutos restantes.

O Jogo

O apito inicial marcou o início de uma avalanche vermelha e preta. E em um instante o Furacão já tinha a vitória encaminhada.

Aos 6’, em uma jogada ensaiada em cobrança de escanteio, Christian cruzou no primeiro pau. Pedro Henrique estava na jogada, mas foi o lateral Campos quem desviou e marcou contra.

E aos 13’, em uma troca de passes envolvente, Christian tocou para Léo Cittadini, que finalizou. Erick chegou dividindo com a marcação e o meia Suazo desviou contra as próprias redes. 

Dois gols contra, mas que nasceram de jogadas trabalhadas e do domínio absoluto do Furacão. E assim seguiu o jogo, com controle completo pelo Athletico.

Mais uma vez, o Rubro-Negro aproveitou com maestria a mescla entre juventude e experiência de seu elenco. Erick e Christian jogaram com a consistência de veteranos. Thiago Heleno e Jonathan com o fôlego e a energia de garotos.

Cittadini retornou ao time com mais uma grande atuação. Marcou, atacou, apareceu pelo meio e pelos lados. Com justiça, eleito o melhor no gramado.

O Furacão ainda teve a mobilidade de Pedrinho e Fabinho no ataque. A segurança de Wellington. As boas presenças Pedro Henrique e Márcio Azevedo. E ainda promoveu a entrada de Jorginho, mais um reforço para qualificar o elenco.

O terceiro gol poderia ter saído na cabeçada de Pedrinho ou no impressionante chute de Christian que o goleiro chileno defendeu. Mas já era o suficiente.

Com dois gols a favor no placar, a liderança estava garantida. 

Ficha técnica: Athletico Paranaense 2×0 Colo-Colo
CONMEBOL Libertadores 2020: Grupo C – 4ª rodada
Data: 23/09/2020
Horário: 19h15
Local: Estádio Joaquim Américo

Athletico Paranaense: Santos; Jonathan (Jorginho, aos 36’ do 2º tempo), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Márcio Azevedo (Abner, no intervalo); Wellington, Erick, Christian (Léo Gomes, aos 44’ do 2º tempo) e Léo Cittadini (Lucho González, aos 36’ do 2º tempo); Pedrinho (Geuvânio, aos 23’ do 2º tempo) e Fabinho
Técnico: Eduardo Barros
Gols: Campos (contra), aos 6’, e Suazo (contra), aos 13’ do primeiro tempo
Cartão amarelo: Léo Cittadini

Colo-Colo: Cortes; Campos, Insaurralde, Opazo (Soto, aos 11’ do 2º tempo) e De La Fuente (Carmona, no intervalo); Fernández (Véjar, no intervalo), Fuentes e Suazo; Mouche (Valencia, aos 5’ do 1º tempo), Bolados (Costa, aos 30’ do 2º tempo) e Parraguez
Técnico: Gualberto Jara
Cartão amarelo: Insaurralde, Soto

CAP COL
13
Finalizações
6
6
Finalizações no gol
1
5
Finalizações para fora
4
2
Finalizações bloqueadas
1
5
Chances reais
0
4
Escanteios
1
1
Impedimentos
2
4-4-2
37
Fabinho
29
Pedrinho
18
Léo Cittadini
17
Christian
26
Erick
5
Wellington
6
Márcio Azevedo
4
Thiago Heleno
34
Pedro Henrique
2
Jonathan
1
Santos
  • Jandrei
  • Lucas Halter
  • Abner Vinicius
  • Léo Gomes
  • Richard
  • Jaime Alvarado
  • Lucho González
  • Jorginho
  • Ravanelli
  • Carlos Eduardo
  • Geuvânio
  • Técnico
  • Eduardo Barros

Arbitragem

Árbitro:

Fernando Rapallini (Argentina)

Auxiliares:

Juan Belatti (Argentina)

Pablo González (Argentina)

Quarto árbitro:

Esteban Ostojich (Uruguai)

Público e Renda

Total:

Portões fechados

Pagante:

Portões fechados

Renda:

Portões fechados