Resumo do jogo

Faltou o gol do Furacão

CAP 0
Brasileirão 2021
Rodada 33
1 CAM

O Furacão queria a vitória sobre o líder do Brasileiro. E mesmo preservando parte dos jogadores para a decisão da CONMEBOL Sul-Americana, mostrou isso em campo.

O equilíbrio foi a marca do duelo com o Atlético Mineiro. Mas o adversário conseguiu aproveitar uma oportunidade no instante final do primeiro tempo para marcar o gol que garantiu o triunfo por 1 a 0.

O Athletico segue com 41 pontos no Brasileirão. O próximo desafio na competição será na quarta-feira da semana que vem (24/11), contra o São Paulo, no Morumbi.

Mas antes, todas as atenções se voltam para Montevidéu! No próximo sábado (20), o Rubro-Negro encara o Red Bull Bragantino, em busca do bicampeonato continental!

Veja os melhores momentos do jogo

O Jogo

O Furacão foi quem criou as melhores chances no começo da partida. Khellven, pela direita, quase deixou Pedro Rocha em boa situação para marcar. Zé Ivaldo também finalizou em cobrança de escanteio.

Jader, em uma cobrança de falta que ele mesmo sofreu, também arriscou. Pedro Rocha, em dois lances de muita categoria, deu trabalho para a defesa do Galo e o goleiro Everson. E Lucas Fasson também cabeceou com perigo.

Mas aos 43′, em uma jogada pela esquerda, Keno tabelou com Hulk e cruzou rasteiro para Zaracho marcar o gol do time mineiro.

O segundo tempo foi menos movimentado, com as defesas prevalecendo. O adversário teve um gol de Hulk anulado por impedimento. E o Athletico pediu pênalti em um lance em que Jaderson foi atingido por Zaracho.

O empate quase saiu aos 45′. Em boa jogada de Pedrinho, ele cruzou na medida para Rômulo, que ganhou de Réver pelo alto e cabeceou bem, mas para fora do gol.

Ficha técnica: Athletico Paranaense 0x1 Atlético Mineiro
Campeonato Brasileiro 2021: 33ª rodada
Data: 16/11/2021
Horário: 16h
Local: Estádio Joaquim Américo

Público pagante: 6.233
Público total: 6.873
Renda: R$ 225.985,00

Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Junior (DF)
Quarto árbitro: José Mendonça da Silva Júnior (PR)
Árbitro de vídeo: Daniel Nobre Bins (RS)

Athletico Paranaense: Bento; José Ivaldo, Lucas Fasson e Nicolas (Pedrinho, aos 28′ do 2º tempo); Khellven, Christian, Juninho e Márcio Azevedo (Erick, aos 34′ do 2º tempo); Carlos Eduardo (Guilherme Bissoli, aos 21′ do 2º tempo), Pedro Rocha (Rômulo, aos 34′ do 2º tempo) e Jader (Jaderson, aos 21′ do 2º tempo)
Técnico: Alberto Valentim
Cartão amarelo: Carlos Eduardo

Atlético Mineiro: Everson; Guga (Mariano, aos 43′ do 2º tempo), Nathan Silva, Réver e Dodô; Allan (Igor Rabello, aos 41′ do 2º tempo), Jair e Zaracho; Keno (Borrero, aos 33′ do 2º tempo), Diego Costa (Nathan, aos 33′ do 2 tempo) e Hulk (Eduardo Sasha, aos 41′ do 2º tempo)
Técnico: Cuca
Cartão amarelo: Diego Costa e Jair
Gol: Zaracho, aos 43′ do primeiro tempo

Fotos: Fabio Wosniak/athletico.com.br

CAP CAM
7
Finalizações
10
2
Finalizações no gol
3
5
Finalizações para fora
4
0
Finalizações bloqueadas
3
2
Chances reais
2
3
Escanteios
6
0
Impedimentos
1
3-4-3
15
Jader
32
Pedro Rocha
96
Carlos Eduardo
6
Márcio Azevedo
42
Juninho
88
Christian
13
Khellven
8
Nicolas
37
Lucas Fasson
27
José Ivaldo
99
Bento
  • Leonardo Linck
  • Nicolás Hernández
  • Abner
  • Pedrinho
  • Erick
  • Jáderson
  • Kleiton
  • Bissoli
  • Rômulo Cardoso
  • Técnico
  • Alberto Valentim

Arbitragem

Árbitro:

Sávio Pereira Sampaio (DF)

Auxiliares:

Daniel Henrique da Silva Andrade (DF)

José Reinaldo Nascimento Junior (DF)

Quarto árbitro:

José Mendonça da Silva Júnior (PR)

Público e Renda

Total:

6.873

Pagante:

6.233

Renda:

R$ 225.985,00