Resumo do jogo

Na Bahia tem… Gol do Furacão!

BAH 1
Copa do Brasil 2022
Oitavas de final - Jogo de ida
2 CAP

Uma virada para abrir vantagem nas oitavas da Copa do Brasil! O Athletico saiu atrás, mas buscou a reação e venceu o Bahia por 2 a 1, em Salvador. Um jogo que mostrou a força do Rubro-Negro como visitante e a raça de um time que nunca se entrega.

Um duro golpe logo no começo, com um gol de falta, não abalou a confiança athleticana. O empate veio logo em seguida, com Christian, e o segundo gol, ainda no primeiro tempo, com Pedro Rocha. Nas duas vezes, assistência de Khellven, um gigante na Fonte Nova.

O Furacão está na frente na luta pela classificação às quartas de final. E a partida decisiva será no Caldeirão, no dia 12 julho (terça-feira). A luta por mais um troféu continua!

Veja os melhores momentos do jogo

O Jogo

A partida tinha acabado de começar quando o time da casa teve uma falta na entrada da área a seu favor. Na cobrança, aos 5′, Lucas Mugni soltou a bomba, Bento ainda desviou, mas não conseguiu evitar o gol, que incendiou a torcida baiana.

O Athletico não deu qualquer sinal de abalo. Logo em seguida, aos 9′, Khellven recebeu pela direita e acertou um cruzamento perfeito para Christian, que dominou entre os zagueiros, girou e encheu o pé! Golaço para empatar a partida!

O Bahia fez de tudo para reagir. Mas esbarrou em um Furacão incansável na marcação, veloz e certeiro no ataque. A virada quase saiu em um chute de Terans, que passou muito perto da trave. Mas ela não iria demorar muito.

Aos 30′, Pablo, que parecia estar no campo inteiro, recebeu a bola na defesa, viu Khellven avançando pela direita e mandou o lançamento preciso. A defesa não conseguiu cortar, o camisa 13 ficou com ela e cruzou rasteiro para Pedro Rocha, que só mandou para a rede!

A virada ainda na primeira etapa deu tranquilidade para o Athletico administrar o jogo na parte final. O Bahia tentou de todas as formas, mas quase não ameaçou o arco defendido por Bento. E o Furacão ainda criou chances como Matheus Babi, Pedrinho, Khellven… 

A vitória na primeira batalha estava assegurada!

Ficha técnica: Bahia 1×2 Athletico Paranaense 
Copa do Brasil 2022: Oitavas de final – Jogo de ida
Data: 22/06/2022
Horário: 19h30
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Público pagante: 20.235
Público total: 20.484
Renda: R$ 354.634,00

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Alex dos Santos (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC)
Quarto Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Árbitro de vídeo: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

Bahia: Danilo Fernandes; Douglas Borel (André, aos 13′ do 2º tempo), Ignácio, Luiz Otávio e Luiz Henrique (Djalma, no intervalo); Patrick (Raí, aos 23′ do 2º tempo), Rezende, Mugni (Lucas Falcão, aos 31′ do 2º tempo) e Daniel; Davó (Jacaré, aos 23′ do 2º tempo) e Rodallega
Técnico: Guto Ferreira
Gol: Mugni, aos 4′ do primeiro tempo
Cartões amarelos: Jacaré, Rezende, Daniel, Douglas Borel e Rodallega

Athletico Paranaense: Bento; Khellven, Pedro Henrique (Matheus Felipe, aos 31′ do 2º tempo) , Nico Hernández e Abner; Hugo Moura, Christian (Pedrinho, aos 20′ do 2º tempo) e David Terans (Léo Cittadini, aos 8′ do 2º tempo); Pedro Rocha (Erick, aos 20′ do 2º tempo), Pablo (Matheus Babi, aos 8′ do 2º tempo) e Tomás Cuello
Técnico: Luiz Felipe Scolari
Gols: Christian, aos 9′, e Pedro Rocha, aos 31′ do primeiro tempo
Cartões amarelos: Hugo Moura e Nico Hernández

Foto: José Tramontin/athletico.com.br

BAH CAP
15
Finalizações
10
5
Finalizações no gol
7
5
Finalizações para fora
1
5
Finalizações bloqueadas
2
4
Chances reais
4
5
Escanteios
3
0
Impedimentos
2
60
Posse de bola
40
4-3-3
28
Tomás Cuello
92
Pablo
32
Pedro Rocha
20
David Terans
17
Hugo Moura
88
Christian
16
Abner
2
Nicolás Hernández
34
Pedro Henrique
13
Khellven
1
Bento
  • Anderson
  • Dedé
  • Matheus Felipe
  • Pedrinho
  • Matheus Fernandes
  • Léo Cittadini
  • Pablo Siles
  • Erick
  • Bryan García
  • Vitor Bueno
  • Matheus Babi
  • Rômulo
  • Técnico
  • Felipão

Arbitragem

Árbitro:

Braulio da Silva Machado (SC)

Auxiliares:

Alex dos Santos (SC)

Thiaggo Americano Labes (SC)

Quarto árbitro:

Marielson Alves Silva (BA)

Público e Renda

Total:

20.484

Pagante:

20.235

Renda:

R$ 354.634,00