Escola Furacão

Athletico é o primeiro clube brasileiro a ingressar em Moçambique, na África

A Escola de Futebol Furacão deu mais um grande passo de caráter social e humano. Na última semana, representantes do Athletico Paranaense estiveram na Comunidade de Moneia, em Zambezia, no Moçambique, para a inauguração de um projeto social da Escola de Futebol Furacão.

A Escola de Futebol Furacão de Moçambique se junta à unidade do Quênia, aumentando a presença do Furacão na África. Há também uma escola na Índia, completando as três unidades fora do Brasil.

O projeto recém-inaugurado é fruto de uma parceria entre Athletico Paranaense e a Associação Árvore da Vida, por meio da Pés Livres.

Logo de início, foram distribuídos 40 uniformes para as primeiras crianças e adolescentes que fazem parte do projeto, localizado numa comunidade com cerca de cinco mil habitantes. A ideia é que todas as crianças e adolescentes da Comunidade de Moneia sejam impactadas pelo projeto do Athletico.

Comentários

Maria Luiza Teixeira
9 meses

Excluir
Que lindo! Precisamos de mais oportunidades como essa aos haitianos que vivem aqui também. Parabéns!

Clécio Otávio Kuzniarski
10 meses

Excluir
Excelente trabalho!!!! Dá orgulho torcer para um time assim! Poderia ter um projeto para nós torcedores podermos contribuir mensalmente para ajudar abrir e manter mais escolas nesses países e em outros. Com um pouco de cada um de nós, podemos melhorar a vida de muitas crianças e famílias.