Time

Medalha no peito: Luan Patrick, mais um piá do Caju!

Créditos: Miguel Locatelli/Site Oficial

Espinhas no rosto, aparelho nos dentes, cara de menino e… campeão do mundo! Desde domingo (17), esta é mais uma das características do zagueiro Luan Patrick, de apenas 17 anos, das Categorias de Formação do Athletico.

Natural de Coqueiros do Sul [cerca de 300 quilômetros de Porto Alegre], o defensor chegou ao CAT Alfredo Gottardi em setembro de 2018, após passagens por Internacional, Juventude e Figueirense. Desde então, tem se destacado no Furacão e recebido oportunidades com a “amarelinha”.

O zagueiro foi titular em todos os jogos da campanha do Brasil. Após liderar o grupo na primeira fase, a Seleção superou Chile, Itália, França e México no mata-mata para levantar a taça.

Com a medalha no peito, o garoto nascido em 2002 bateu um papo sobre a conquista. Luan Patrick, em cinco perguntas!

Site Oficial: Como foi participar dessa campanha histórica, representando o Furacão?
Luan Patrick: Foi uma sensação única e teve um gostinho especial por ser no Brasil. Foi muito importante ganhar um título como esse com 17 anos. Representar a Seleção e o Clube teve um gosto especial.

Site: O título pode ser resumido em uma palavra: viradas. Qual foi o diferencial para que o grupo se superasse?
Luan: O que mais me marcou foi o espírito do grupo, de muita união. Isso fez com que a gente conseguisse virar os jogos. Além da torcida, que nos apoiou muito.

Site: Na partida contra a Itália, nas quartas de final, você sofreu uma lesão no punho.
Luan: Eu fiquei com medo de ficar fora [semifinal e final]. Mas eu recebi a confiança de todos e consegui superar.

Site: Tem outro zagueiro formado no CAT do Caju que te inspira muito, não é?
Luan: Quando eu cheguei, o Lucas Halter passou na minha frente e eu nem acreditei (risos). Ele sempre me passa alguns conselhos. Antes da final, ele me ligou desejando boa sorte. É um cara que sempre me ajuda. Gosto dele como pessoa e também do futebol dele.

Site: Depois do título, quais os próximos objetivos do Luan Patrick?
Luan: O Clube sempre dá bastante oportunidade para a base. Eu vou procurar aproveitar todos os momentos e as oportunidades, para um dia chegar ao profissional.

Comentários

Bruno Henrique
3 semanas

Excluir
Vinícius Del'Amore está livre do contrato com o Corinthians seria uma boa contratação pro Athletico ele mostrou ser muito talentoso na copa São Paulo de 2017