Resumo do jogo

Seguimos fortes! Gol no finalzinho e mais três pontos!

SAO 0
Brasileirão 2019
Rodada 32
1 CAP

O Athletico conquistou mais três pontos fora de casa no Campeonato Brasileiro! Desta vez, quem não resistiu ao Furacão foi o São Paulo, derrotado por 1 a 0, em pleno Morumbi. Agora, o Rubro-Negro soma 50 pontos e está de volta ao G6 do Brasileirão.

A vitória foi conquistada no finalzinho do jogo e com mais uma grande atuação do goleiro da Seleção Brasileira! Santos parou todas as investidas do São Paulo e Marcelo, aos 44' do segundo tempo, marcou o gol do Furacão!

Agora, o Athletico tem a semana cheia para se preparar para o próximo desafio. Pela 33ª rodada, o Rubro-Negro volta ao Caldeirão para enfrentar o Botafogo, às 16h do próximo domingo (17).

Veja os melhores momentos do jogo

O Jogo

O jogo começou com o Athletico pressionando a saída de bola do adversário e com mais as ações ofensivas. Mas o Rubro-Negro não conseguiu finalizar com perigo e as primeiras chances de gol foram do São Paulo.

E daí, Santos mostrou porque merece sua segunda convocação para a Seleção Brasileira. Aos 7’. Reinaldo chutou da entrada da área e a bola desviou em Robson Bambu. Mas o goleiro do Furacão voou e defendeu no reflexo!

O São Paulo partiu para cima, mas o Furacão deu a resposta nos contra-ataques. Aos 8’, Marcelo disparou pela esquerda e cruzou para Bruno Nazário. O goleiro Tiago Volpi chegou antes. No minuto seguinte, Rony tocou para Marcelo, mas Volpi se antecipou.

O Furacão quase chegou ao gol aos 19’, em uma cobrança de falta de Nikão. Ele soltou uma bomba, mas a bola passou à esquerda, pertinho da trave.E dois minutos depois, Santos salvou mais uma, cara a cara com Pablo!

O Athletico voltou a chegar com perigo aos 42’. Marcelo arrancou pela direita, foi à linha de fundo e cruzou na pequena área. Tiago Volpi conseguiu desviar e Arboleda afastou antes da chegada de Rony!

Segundo tempo

Depois do intervalo, o jogo perdeu em movimentação. O São Paulo atava, mas parava sempre em Santos. O Athletico quase marcou aos 29’, com Lucho González, que havia substituído Bruno Nazário. Aos 29’, ele recebeu de Nikão na área, mas bateu para fora!

O São Paulo assustou em uma bola dividida entre Madson e Gabriel Sara, que passou raspando, aos 26’. Mas quem conseguiu marcar o gol da vitória foi o Furacão!

Vitinho entrou aos 41’, no lugar de Rony. Aos 44’, avançou pela esquerda e acertou um belo passe para Marcelo. O camisa 10 recebeu na entrada da área, chutou forte, rasteiro. A passou por Tiago Volpi e estufou a rede: 1 a 0 Athletico!

Ainda deu tempo para Santos defender mais uma, mas o apito final soou mesmo com a vitória do Furacão!

Ficha técnica: São Paulo 0x1 Athletico Paranaense
Campeonato Brasileiro: 32ª rodada
Data: 10/11/2019
Horário: 16h
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)

São Paulo: Tiago Volpi; Daniel Alves, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Jucilei (Gabriel Sara, aos 16’ do 2º tempo), Tchê Tchê, Igor Gomes (Hernanes, aos 39’ do 2º tempo) e Antony; Pablo (Raniel, aos 31’ do 2º tempo) e Vitor Bueno
Técnico: Fernando Diniz
Cartões amarelos: Reinaldo e Antony

Athletico Paranaense: Santos; Madson, Thiago Heleno, Robson Bambu e Márcio Azevedo; Wellington; Nikão, Camacho (Erick, aos 23’ do 2º tempo), Bruno Nazário (Lucho González, intervalo) e Rony (Vitinho, aos 41’ do 2º tempo); Marcelo
Técnico: Eduardo Barros
Gol: Marcelo, aos 44’ do segundo tempo
Cartões amarelos: Camacho e Wellington

SAO CAP
14
Finalizações
8
7
Faltas
14
2
Escanteios
1
3
Impedimentos
2
6
Finalizações no Gol
2
0
Roubadas de Bola
0
54% Posse 46%
4-1-4-1
10
Marcelo Cirino
7
Rony
77
Bruno Nazário
15
Camacho
11
Nikão
5
Wellington
6
Márcio Azevedo
14
Robson Bambu
44
Thiago Heleno
23
Madson
1
Santos
  • Léo
  • Lucho González
  • Tomás Andrade
  • Khellven
  • Abner Vinicius
  • Braian Romero
  • Erick
  • Vitinho
  • Pedrinho
  • Abner Felipe
  • Pedro Henrique
  • Thonny Anderson
  • Técnico
  • Eduardo Barros

Arbitragem

Árbitro:

Wagner do Nascimento Magalhães (FIFA, RJ)

Auxiliares:

Luiz Claudio Regazone (RJ)

Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ)

Quarto árbitro:

Vinicius Furlan (SP)

Público e Renda

Total:

13.795

Pagante:

Não disponível

Renda:

R$ 397.902,00